Infidelidade Conjugal: A Traição do Homem

Infidelidade Conjugal: A Traição do Homem   

 

 

Não existe homem fiel? Você já deve ter ouvido isso muitas vezes em sua vida, mas será que eles são mesmo infiéis? O que leva um homem honesto em seu emprego, bom pai , bom marido a trair?

 

Segundo a pesquisa publicada semana passada aqui no blog, os homens são infiéis porque querem perpetuar a espécie, e a mulher na busca pelos melhores genes. Será que o homem trai mesmo a mulher? Qual é realmente a teoria correta? Apesar dos homens terem uma tendência maior para a satisfação sexual, isso não significa que são incapazes de amar.Os homens assim como as mulheres também sentem a necessidade de viver uma história de amor. Mas como disse antes , infelizmente eu não costumo ver casais que vivem romances de Romeu e Julieta por anos. Muitas vezes é dificil para as pessoas manter o mesmo sentimento durante 20 ou 30 anos, e o homem também possui empatia com a mulher com quem é casado. É um amor também, mas um amor ligado a afinidades, empatia, existe um amor sim, mas isso não significa muitas vezes que depois de um tempo ele não possa sentir desejos por outras mulheres, pois isso pode acontecer. Não existe homem fiel? Pelo visto conhecemos a grande maioria dos homens como homens honestos, honestos em seu emprego, bons pais, bons maridos, e que algum dia podem ter traído a mulher.Será que traíram mesmo com intenção de magoá-las? Será que nessa vida curta as histórias de amor devem ser pra sempre? É claro que devem, as histórias de amor devem ser pra sempre sim, mas devem ser eternas no tempo de Deus, no tempo da vida.

Nessa vida curta entreguemos o tempo da história de amor nas mãos de Deus, que pode durar pra sempre ou não.

 

O verdadeiro amor é eterno no tempo de Deus. Pra mim a maioria dos homens são fiéis.

Infidelidade Conjugal: A Traição da Mulher

Infidelidade Conjugal: A Traição da Mulher   

O que leva uma boa mãe, boa esposa muitas vezes a traição?

Será que as mulheres traem mesmo os homens? Será mesmo que as pessoas traem por que querem mesmo magoar seus parceiros? No caso da mulher segundo a pesquisa cientifica publicada semana passada no blog , ela trai na procura dos melhores genes. A mulher tem uma tendência a ser mais seletiva ao escolher um parceiro de CEP( cópula extrapar). Mas assim como no casamento os sentimentos delas podem mudar depois de muitos anos de matrimônio, desculpem mas é muito raro eu ver um casal que viva um amor de novelas por anos, não estou generalizando, mas é o que costumo ver , e muitas vezes é muito dificil para ela terminar a relação com o parceiro pela questão da empatia que sente por ele.Ou seja é um amor sim, mas um amor diferente, ligado a uma empatia e afinidade, e não um amor a la  Romeu e Julieta.  Afinal a mulher pode ser uma boa mãe, boa esposa, mas isso não significa que vá deixar de ter desejos, que não poderá sentir atração  por um outro homem em determinado momento da vida.  E será que essa traição é mesmo com o intuito de magoar o parceiro? questão de pensar. Eu continuo com a seguinte afirmação :

                              O verdadeiro amor é eterno no tempo de Deus.

Traição: Será Que O Fato de Trair é Genético

Traição: Será Que O Fato de Trair é Genético   

Uma curiosa pesquisa americana põe em dúvida uma leve e delicada questão: a da traição.Será que o fato de trair é genético?

Segundo dados de uma pesquisa americana  casais humanos assim como os animais são geneticamente infiéis, e que a verdadeira monogamia é muito rara.Será que isso é verdade mesmo?

O estudo de dois cientistas norte americanos defende que na natureza trair é a regra, tanto pássaros, quanto pulgas, quanto humanos todos eles são infiéis.Segundo os cientistas a verdadeira monogamia é muito rara. No caso dos mamíferos então a verdadeira monogamia com um desejo por um parceiro exclusivo é algo praticamente impossível, rara em todos os sentidos. Entre as aves, em algumas espécies os dois tanto macho quanto fêmea precisam dar a cada 15 segundos insetos para seus filhotes, mas com a análise do DNA essas espécies que eram consideradas um exemplo de monogamia, hoje já podem ser descartadas, uma vez que muitos dos filhotes que estão nos ninhos  pertencem a diferentes pais.

Nesse caso é preciso separar a monogamia social o casal que cuida da prole em conjunto , comum entre aves e pessoas, e a monogamia sexual- o par exclusivo e fiel.  No caso dos mamíferos a monogamia é rara em qualquer forma. Existem vários tipos de arranjos polígamos. No caso dos babuínos, um macho costuma impor seu poder sobre os demais, construindo assim um harén onde possui várias fêmeas, isso não impede que uma fêmea se sinta com desejo de se acasalar com outro macho, o dono do háren ao perceber a intenção da fêmea traidora a reprime com várias mordidas no pescoço.

Entre as éspecies de escaravelho -enterrador, um macho transmite os feromonios, no caso sua poção do amor para atrair fêmeas. Quando os dois se acasalam, a fêmea percebendo a intenção do macho de transmitir sua poção do amor para atrair novas fêmeas, corre atrás dele o mordendo e empurrando de maneira forte para que não transmita os feromonios.Os cientistas fizeram uma avaliação de qual resultado teria se prendessem a fêmea na hora final do acasalamento.Com a fêmea presa o macho folgazão sentiu-se a vontade para transmitir sua poção do amor, e com isso foi recompensado com várias outras namoradas.

No caso do  ser humano ele até pode manter um só parceiro sexual por toda a vida, mas esse é um comportamento que custa quase tanto esforço quanto o celibato absoluto. Segundo a ciência o desejo da variedade sexual foi incutido no homem e em grau menor na mulher, mas a pesquisa do mito da monogamia afirma que ambos são infieis, mas que as femeas são mais seletivas na hora da escolha do parceiro de CEP´S no caso a cópula extrapar.

Modelos Comportamentais

Mais ou menos fiel  

Comportamento: Monogamia Social, formam-se casais que cooperam na criação dos filhotes, mas que pulam a cerca ocasionalmente

Frequencia: É o comportamento mais comum entre as aves.

Exemplo: O casal de andorinhas constrói seu ninho em conjunto , mas o macho costuma vigiar a fêmea em seu periodo féritil , para evitar que ela dê suas escapadas.

Fiel Mesmo

Comportamento: Monogamia social, o animal tem relações sexuais com um único parceiro a vida toda

Frequencia: Extremamente raro.

Exemplo: Há uma espécie de macaco fiel, essa o faz pois não possui opção.No caso do verme Diplozoon paradoxum , um parasita dos peixes , o macho se encontra a fêmea, mas não há como haver traição pois os corpos dos dois se fundem.

Harén

Comportamento:  Poliginia , um macho mantém relações com várias fêmeas.

Frequencia: É o arrnajo mais comum na natureza.

Exemplo: Gorilas mais fortes impões sua vontade sobre outros machos, mantendo haréns com 3 ou 6 fêmeas.

Uma outra pesquisa polêmica é do médico da Universidade Cornell Stephen Emelen. Para ele existem dois tipos de monogamia como citado anteriormente: a genética e a social.No primeiro caso a monogamia é uma excessão, só existe uma espécie de macaco fiel.O resto todos são infieis. A justificativa para a monogamia humana apresentada por ele é a de que o casal esta unido com um objetivo definido: cuidar dos filhos. Especialistas afirmam que a monogamia existe graças ao mito de que espécies cujas proles vivam com pais casados vivem melhor, seria uma justificativa da monogamia humana segundo Emlen e outros especialistas.

Ao final do livro ” O  Mito da Monogamia” o casal David Barash e Jud Lipton autores do livro, dizem que muitas vezes a questão comportamental é capaz de superar a biologia, afinal de contas eles são casados e se dizem monogâmicos.

Entrevista dos autores do livro ” O Mito da Monogamia”  a televisão:

A Timidez

A Timidez


” Eu te amo calado, como quem ouve uma sinfonia de silêncio e de luz

Nós somos medo e desejo somos feitos de silêncio e som

Tem certas coisas que eu não sei dizer”

Versos de uma canção, achei legal pegar pra explicar timidez, existem momentos fortes e momentos fracos na vida de todo mundo.Isso é evidente, entra em evidência de forma muito forte, e em muitos casos é impossível não sucumbir Com determinadas pessoas não adianta, por mais que você queira ser simpático e alegre, elas possuem energias diferentes e não abrem espaço para você ser como você gostaria de ser. Isso não significa muitas vezes que você é totalmente timido. Acontece que existem momentos, momentos fortes e momentos fracos na vida das pessoas. Tem grupos de pessoas com quem criamos melhores afinidades e outros que criamos outras afinidades.Questão de afinidades mesmo, só pode ser rsrs.

Na questão amorosa o bicho pega pior, a hesitação de se aproximar é muito evidente, mas enfim, você só vai saber se vai dar certo se criar essa chance de ir pra cima com tudo da garota ou no caso a garota do garoto. Se quer fazer essa pessoa feliz, então pq a hesitação em se aproximar? Legal pensar nisso, acho que facilita um pouco pra conquistar pessoas e sonhos na vida.Mas isso muitas vezes só aparece em alguns momentos, acredito que existem sempre momentos fortes e momentos fracos, como ja havia citado anteriormente.

Video que achei ná internet, dá algumas dicas para trabalhar melhor essa questão.